| envie seu trabalho |seja colaboradorx |
Home > Fashion > 9 COISAS ESQUISITAS QUE VOCÊ VERÁ DURANTE AS OLIMPÍADAS

9 COISAS ESQUISITAS QUE VOCÊ VERÁ DURANTE AS OLIMPÍADAS

Os Jogos Olímpicos é o auge para todo e qualquer atleta e também para testar novas tecnologias de produtos.

O sonho em vestir a camisa do seu país, cantar o hino e subir no pódio vale todo esforço. Essa é a vitrine dos atletas e também se tornou um lugar para estrear inovações tecnológicas e testá- las.

 
 

Innovation_SU12_APPAREL_SWIFTSUIT_NBW_original

ino 2

 
 

Essas novas tecnologias surgem para melhorar o desempenho dos atletas em cada modalidade. Não é para capacitá- los e sim para facilitar, soando como um “empurrãozinho”. Se um tênis de acordo com o material utilizado e design for capaz de melhorar a performance em frações de segundos, isso pode ser decisivo para o ganho da medalha ou não. Em 2008, por exemplo, apareceram os maiôs LZR de corpo inteiro que alavancaram recordes mundiais. Foi super aprovado!

 
 

LDN12_RN_PR_AFelix_435_MR_native_600

 
 

Eventualmente, essas inovações atléticas escorrem para lojas e ginásios em todo o país, para que possamos tirar proveito do aumento de conforto, desempenho e aerodinâmica.

 

Vamos checar o que as Olimpíadas 2016 ostentará na pista, na piscina e na net:

 

OL 2

OL 3

Fita elástica terapêutica da Nike usada em lugares estratégicos para fornecer suporte muscular e proporcionar movimento mais rápido e eficiente através do ar. Os pontos pretos são fundamentais pois a borracha em lâminas levanta e move o vento nas direções específicas do corpo.

 
 

OL 4

Os mesmo pontos pretos aparecem em mangas e meias, de poliéster com a mesma finalidade.

 
 

OL 5

Maiô LZR Racer X da Speedo, com alças cortadas a laser para garantir que ele fique plano contra o corpo (impedindo qualquer arrasto na água), e ajuda a melhorar a amplitude do movimento através dos braços. A costura que forma um X no tronco é para estabilizar o centro do corpo ao retroceder na água, a parte vertical é para ajudar a flexibilidade na frente ao fazer a virada na parede da piscina.

 
 

OL 6

Cap Fatskin3 da Speedo, utiliza a tecnologia que a empresa chama de “IQfit”. Usando escaneamento 3D da cabeça, os pesquisadores podem fazer um ajuste preciso para que a touca de silicone alinhe com os contornos da cabeça do nadador. Quanto mais próximo o ajuste, menor a chance da água criar arrasto.

 
 

OL 7

Fatskin3 Elite Goggles da Speedo tem um selo de óculos 3-D que garante que não entre água, e o revestimento anti-fog para evitar a formação de condensação. Ao ser usado junto com a touca, os óculos podem reduzir o arrasto na água de até 5,7%. Isso pode não parecer muito, mas pode fazer a diferença no final.

 
 

OL 8

OL 9

Capuz de aparência estranha criado para atletas de decatlo (competição de atletismo composta por dez provas), pela Nike Sports Research L. Com a finalidade de ajudar na recuperação mais rápida, esfriando a cabeça do atleta que é uma das partes mais sensíveis à temperatura do corpo. Você pode pensar no capuz como um ar condicionado altamente eficaz para o seu rosto. Suas camadas internas contém água fria, e o projeto tem como alvo a cabeça, o pescoço e as áreas ao redor dos olhos.

 
 

OL 10

Spikes colocados ao longo da sola do sapato, impulsiona o corpo para a frente, o que os torna perfeitos para sprinters, cujo movimento para a frente é primordial. O spike ideal é uma estrutura dura, rígida, ajudando o pé bater no chão com mais força, enquanto ainda tiver energia. A disposição dos spikes na sola do tênis de corrida da Nike são modelados como estruturas geométricas da natureza, é quase um favo de mel. O resultado é algo delicado e poderoso.

 
 

OL 11

Cores gradientes e brilhantes nos tênis da Nike são com referências nas asas de aves tropicais e insetos voadores. Uma alusão aos corpos dos atletas que estão em “vôo”.
Os protótipos teste dos sapatos foram feitos usando impressão 3-D. Nos produtos finais foi utilizado um material de plástico injetado.

 
 

OL 12

As lentes dos óculos Nike Wing são destinadas a aumentar o fluxo de ar e reduzir a nebulização para atletas do atletismo. A lente ultra-light tem um pedaço de silicone no nariz e ao redor da cabeça que são resistentes à umidade, por isso eles não escorregam a medida que suar. São leves o suficiente para que não sinta nada no rosto.

 
 

OL 13

Para jogadores de voleibol, ciclistas, jogadores de golfe, e triatletas, que tem que lidar com o sol na competição, o óculos Oakley bloqueia os raios de luz.

 
 

OL 14

Lentes com tecnologia Prizm, a mesma tecnologia que a Oakley usa em seus óculos de neve e esqui. As lentes Prizm reduzem o brilho, mas também tem ajuste de cor que funciona como uma espécie de filtro de Instagram. Melhora o contraste e torna os objetos mais nítidos. No voleibol a bola que voa por cima da rede pode ser vista mais claramente contra o céu brilhante e obter a posição perfeita para cravá- la.

 
 

VEJA TAMBÉM:

NECKERCHIEF: A MINI TENDÊNCIA QUE ESTÁ CONQUISTANDO TODOS OS SEXOS

 
 

Fonte: Madeline Buxton

 
 

 

You may also like
MODELOS E MANEQUINS CRIADOS COM INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL
CIÊNCIA E EXPERIMENTAÇÃO DÃO ORIGEM A JAQUETA DE GRAFENO
DESCUBRA TUDO SOBRE O FIGURINO IMPRESSO EM 3D PREMIADO NO OSCAR 2019
STARTUP MELHORA EXPERIÊNCIAS DE COMPRA COM REALIDADE AUMENTADA
SMART GLASSES: REALIDADE AUMENTADA E MISTA NOS NOVOS ÓCULOS DA NREAL
NOVO WEARABLE DA L’ORÉAL MEDE PH DA PELE ATRAVÉS DO SUOR
8 SOLUÇÕES INOVADORAS COM INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL NA MODA
VESTIR PELE ELETRÔNICA ULTRAPASSA O LIMITE ENTRE TECNOLOGIA E BIOLOGIA

Leave a Reply

Somente para Assinantes Premium :D